Por que fazer um curso de AutoCAD pode ajudar quem se enquadra na Carteira Verde e Amarela?

Talvez você já tenha ouvido falar na Carteira Verde e Amarela, um programa criado pelo Governo Federal para

Talvez você já tenha ouvido falar na Carteira Verde e Amarela, um programa criado pelo Governo Federal para facilitar a contratação de jovens entre 18 e 29 anos, faixa etária que mais se encontra desempregada atualmente.

No entanto, não basta estar nessa faixa etária para ter uma chance de ser contratado. Adquirir certos conhecimentos, como o AutoCAD, pode te ajudar a entrar no mercado de trabalho mais facilmente.

Neste artigo você vai entender como o curso de AutoCAD pode ser o primeiro passo para conquistar uma vaga de emprego, e saber mais sobre a profissão de “cadista”.

Mas, antes, vamos entender…

Como funciona o programa Carteira Verde e Amarela?

O programa Carteira Verde e Amarela foi criado por meio da Medida Provisória (MP) 905/19, que entrou em vigor no dia 1º de janeiro de 2020.

Este programa tem como propósito diminuir entre 30 a 34% o custo da mão de obra nas contratações de jovens nas empresas, incentivando os empregadores a empregarem mais pessoas na faixa etária indicada para preencher algumas vagas.

Entre os custos que a medida promete diminuir estão o do FGTS, pagamento de férias, 13º salário, a contribuição do INSS, as alíquotas do sistema S e salário-educação.

No entanto, os empregadores deverão seguir algumas regras, como:

  • Contratar jovens nessa modalidade apenas até o dia 31 de dezembro de 2022;
  • Os empregados deverão receber até 1,5 salário mínimo;
  • As empresas poderão ter no máximo 20% do seu total de funcionários contratados por meio do programa;
  • Não substituir trabalhadores já contratados por outros dentro dessa modalidade.

Por que fazer um curso de AutoCAD pode ajudar os jovens que se enquadram no programa?

Porque o mercado de trabalho encontra-se favorável para o “cadista”, que é um profissional cujo trabalho se baseia nos conhecimentos do programa AutoCAD.

O “cadista” executa desenhos técnicos e desenhos de plantas solicitados por engenheiros e arquitetos, passando para o computador um esboço técnico desenhado no papel.

Veja a seguir algumas razões para fazer o curso de AutoCAD:

Atuar em diferentes áreas

Como foi mencionado, o mercado de trabalho precisa de profissionais que saibam usar o AutoCAD e executar as tarefas de um “cadista”. Entre as áreas nas quais você pode atuar estão:

Setor de móveis – a área precisa de profissionais que saibam fazer uma maquete eletrônica que mostra, por meio de realidade virtual, um projeto de decoração para uma casa, escritório, consultório ou mesmo um shopping center. É necessário ter conhecimento em AutoCAD e também no programa 3D Studio Max para fazer o projeto.

Escritórios de Arquitetura – o AutoCAD facilitou o trabalho dos arquitetos, que antes faziam todos os projetos à mão. O “cadista” não só deve ter domínio do programa, mas também buscar conhecimento na área de edificações para poder realizar projetos da melhor forma possível.

Engenharia Mecânica – o AutoCAD é usado para dar maiores detalhes ao desenho de produtos, ajudando no desenvolvimento de peças e equipamentos para indústrias de vários setores, como automotiva, naval e têxtil.

Engenharia Elétrica – os engenheiros eletricistas também precisam de profissionais que conheçam o AutoCAD para digitalizar rascunhos de projetos e assim ajudar no desenho da fiação de prédios e casas, representação de circuitos, entre outras tarefas.

Engenharia Civil – nessa área é necessário realizar projetos para que sejam estudadas todas as possibilidades de um projeto, como fazer a instalação hidráulico-sanitária em um prédio, por exemplo. Desta forma, a empresa tem mais segurança na realização de projetos e construções, sendo necessário um profissional que tenha conhecimento não apenas de em AutoCAD, mas também de cálculos estruturais para avaliar peso e força de empuxo dos equipamentos usados na construção civil.

Empresas especializadas em cartografia e topografia –trabalham com a elaboração de mapas cartográficos e cartas topográficas para fazer análises. Essas cartas e mapas são feitos pelo AutoCAD, portanto, é necessário um profissional que domine o software.

Qualificação profissional e crescimento na carreira

O curso de AutoCAD dá ao aluno o conhecimento básico para buscar qualificação profissional e crescer na carreira, pois várias profissões utilizam o AutoCAD como base Entre elas, temos:

  • Desenhista projetista – faz desenhos de mercadorias, ferramentas e equipamentos;
  • Desenhista copista – cria projetos por meio da interpretação de documentos de apoio, como plantas, catálogos, projetos, normas e croquis, definindo formatos e escalas e sistemas de representação de acordo com o cronograma;
  • Desenhista elétrico – executa representações de sistemas elétricos;
  • Desenhista projetista civil – realiza projetos de obras;
  • Auxiliar de topografia – ajuda a analisar documentos e informações cartográficas, interpretar fotos terrestres e aéreas, imagens orbitais, mapas, cartas e plantas para identificar acidentes geográficos e pontos de apoio para fazer georreferenciamento e amarração;
  • Desenhista cadista – desenha objetos técnicos para esboço de máquinas, instalações, produtos e layouts decorativos;
  • Nivelador – faz a marcação de níveis de terreno em obras por meio de projetos com instrumentos topográficos e geotécnicos;
  • Desenhista mecânico – passa para o computador desenhos de equipamentos utilizados na indústria, assim como de peças que são acopladas a essas máquinas;
  • Desenhista industrial – faz desenhos industriais relacionados a dispositivos, instalações, produtos e equipamentos, de acordo com as especificações técnicas, normas e padronizações.

Onde fazer um curso de AutoCAD?

A R5 oferece um excelente curso de Cadista 2D que ensina o aluno a usar o programa AutoCAD 2D, facilitando a elaboração de projetos, desenhos técnicos e representações gráficas para trabalhar em diferentes áreas como Arquitetura, Urbanismo, Engenharia e Design.

O curso conta com dois tópicos que ensinam o passo a passo para projetar em 2D, desde o básico até a utilização recursos avançados.

A carga horária é de 48 horas, é presencial e pode ser feito por jovens a partir de 14 anos. O aluno recebe material didático, espaço com computador e ao concluir o curso receberá um certificado de conclusão.

Mas, para realmente aproveitar o curso de Cadista 2D é necessário que você tenha familiaridade com desenho técnico elementar, projeto e informática básica. Também é útil saber termos técnicos usados em Arquitetura, Urbanismo, Engenharia e Design.

Se você trabalha em uma instituição de ensino, saiba que fazemos parcerias para levar o curso de Cadista 2D a mais pessoas e ajudar jovens a se qualificarem para o mercado de trabalho.

E você, que deseja se enquadrar no programa Carteira Verde e Amarela, não pode perder a chance de fazer esse curso, obter um conhecimento muito valorizado no mercado e alcançar o tão almejado emprego.